Queremos te conhecer! 

Caso queira mais informações sobre a DanzaMedicina (Formações, Workshops, Eventos, Parcerias e Colaborações), ou simplesmente queira se conectar, preencha o formulário. 

           

123 Street Avenue, City Town, 99999

(123) 555-6789

email@address.com

 

You can set your address, phone number, email and site description in the settings tab.
Link to read me page with more information.

Sobre ser flor e ter espinhos

Blog

Reclaim your Wild Feminine Essence. 

Sobre ser flor e ter espinhos

DanzaMedicina

"Tenho descoberto em mim um profundo medo de me relacionar. 

Não que ele não existisse aqui antes, mas ultimamente tenho olhado para ele com mais honestidade.... Medo de amar, de me abrir, de me entregar, de confiar, de ser junto.

Cresci, e segui a vida orgulhosa de minha Guerreira Artêmis- destemida, independente, livre correndo floresta adentro com minhas túnicas curtas, munida de arco e flechas; mirando aquilo, e somente aquilo, que eu decidia internamente e individualmente que queria atingir.

Por detrás de tudo isso, uma menina que passou a infância entre princesas- sendo resgatadas, salvas e despertas por príncipes encantados.

Desde cedo escolhi ter meu próprio cavalo branco e joguei fora meus sapatos de cristal por preferir caminhar de pés descalços. Existe, porém, em algum lugar dentro de mim (que ainda não consegui bem definir qual lugar é esse), uma donzela que dorme anestesiada, esperando por um beijo de amor que a desperte de seu infinito eu, eu, eu... para quem sabe um verdadeiro nós.

E se, pensei... e se esta atrevida guerreira viesse em seu cavalo branco até esta vulnerável donzela, lhe desse uma boa sacudida, como quem diz "levante-se já daí que chegou a hora, mulher!" ?

Compreendo hoje a riqueza imensurável de se viver relações não baseadas em dependência- emocional, física, financeira, ou qualquer que seja. Legitimo e vivencio a  liberdade de ser uma mulher independente; que caminha em minhas próprias pernas e está inteira em si mesma, tocando a vida, meus propósitos e minhas verdades... Mas hoje, mergulhando um pouco mais profundo, compreendo também que o medo do relacionar pode muitas vezes nutrir arquétipos que se tornaram potencialmente escudos de defesa, que escondem também a expressão mais natural e autêntica da minha mais linda essência amorosa

E se, eu pensei... e se eu parasse de lutar contra meus próprios moinhos e abrisse as portas do castelo, barreiras, coração e fortificações afora, como guerreira e donzela que se unem de mãos dadas: em coragem e vulnerabilidade, em amortecimento e decisão, em atitude e entrega, em passividade e ação... Isso sim, parece ser uma boa história de finais e recomeços felizes."

14045862_10154332868328930_3695492322126893294_n.jpg

*Texto por Morena CardosoMulher, mãe, peregrina, buscadora, guardiã de Pachamama- Criadora e facilitadora da DanzaMedicina. Morena há mais de uma década percorre lugares sagrados ao redor do mundo em diferentes culturas e tradições originárias; resgatando saberes ancestrais do feminino e ferramentas de cura pela psicoterapia do corpo e movimento; compartilhados hoje a centenas de mulheres em diversos países, na forma de Workshops, Retiros e Vivências.